12 setembro 2013

Resenha #11 - Cisne



Título: Cisne (livro 01) 
Autor: Eleonor Hertzog
Editora: Dracaena
Ano: 2012
Paginas: 832
Gênero: Ficção Científica/Distopia
Nota: 10/10

Skoob


Ninguém sabe exatamente quais são os critérios de seleção da Escola Avançada de Champ-Bleux, mas não há como discutir sua eficácia. Seus exames de ingresso não erram nunca! Entre milhares de candidatos de todos os pontos da Terra, apenas duzentos e cinquenta são escolhidos a cada semestre. E, num mundo onde ser cientista é o maior status que alguém pode desejar, a Escola Avançada de Champ-Bleux forma aqueles que são disputados a peso de ouro. Doris e Henry Melbourne são cientistas formados por Champ-Bleux. Aparentemente, são biólogos marinhos. Aparentemente, suas vidas se centram no Cisne, barco de pesquisas onde moram com os filhos. E, também aparentemente, são terráqueos... Seus filhos acreditam em todas essas aparências – ao menos por enquanto. Seguindo os passos dos pais, os jovens Melbourne fizeram os exames de ingresso para Champ-Bleux. Enquanto, cheios de expectativa, aguardam os resultados para saber se ao menos um deles entrou na Escola Avançada, veem-se envolvidos numa questão diplomática entre Terra e Tarilian, o único outro mundo habitado que os terráqueos conhecem. Inesperadamente, o futuro das relações entre os dois mundos vai ser decidido em um barco no meio do oceano! Mal sabem eles que isso é apenas o começo... Logo precisarão decidir pela Terra inteira!

         A RESENHA FICOU UM POUCO GRANDE, MAS VALE A PENA CONFERIR!


        Creio que o desejo da autora ao escrever esse livro fosse divertir e entreter. E digo a vocês que ele se tornou realidade! Foi o primeiro livro desse gênero que li. Digamos que é meio que uma ficção científica misturada com distopia. Não sei de NENHUM livro para comparar, dizer que é parecido... Pois a história é simplesmente original – e genial!
        A história se passa no planeta Terra, só que mais “futurista”, porém é no ano de 355 (se me lembro bem), o que eu achei bem estranho. A ciência avançou e as principais doenças e guerras da humanidade foram combatidas. Há apenas um idioma e uma moeda em todo mundo. E também novas cidades. Existe um Conselho e diversas outras partes e divisões que Eleonor Hertzog criou que governam o planeta. Nossa ciência está mais avançada e descobrimos outro planeta chamado Tarilian. E há uma velha rivalidade entre terráqueos e tarilianos – pois a ciência desses é mais avançada que a da Terra.
        Os tarilianos tem carga genética parecida com a dos terráqueos. E parece que a diferença física mais visível entre eles e nós, são suas orelhas – o que me fez imaginá-los parecidos com elfos. Eles sempre têm cabelos e olhos castanhos (raramente esverdeados).
        Na Terra, existem Escolas Avançadas para quem já terminou o Ensino Básico. A melhor da Terra se chama Champ-Bleux – localizada numa cidade de mesmo nome. A família Mellbourne é protagonista da história. Os pais dessa família – Doris e Henry Mellbourne – formaram-se em Champ-Bleux e tornaram-se os biólogos marinhos mais famosos do planeta, sendo assim cientistas/biólogos. Eles moram em um lindo veleiro solar chamado Cisne, que além de ser sua casa, é um laboratório de pesquisas. E agora vem a parte mais legal: Eles têm vários filhos! Teo e Ted, os gêmeos mais velhos (dezesseis anos). Depois Tim e Tom (quinze anos), que são outros gêmeos. Depois Pam (quatorze anos), e a mais nova, Lis (treze anos), e anda Bobby, o caçula (com nove anos). Os filhos tem entre dezesseis e nove anos, como eu mencionei – isso se não errei a idade de nenhum deles. Os cientistas ainda adotaram Peggy, cujos pais adotivos anteriores “morreram” num acidente. Ela possui 14 anos também – eu acho. É que são tantos filhos que confunde um pouquinho as idades. Porém não atrapalha em nada na hora da leitura.
        Toda a família é a tripulação do Cisne. Logo nas primeiras páginas do primeiro capítulo eu me identifiquei e amei Tim, o gêmeo de Tom. Ele é engraçado, faz piadas, vive aprontando. E todos os irmãos ficam “brigando” de forma divertida. Dá para ver o quanto se amam e pegam no pé um do outro. Vocês vão rir tanto ao ler esse livro... Por isso eu disse que a autora queria divertir, e conseguiu! A forma como ela preza a família, é incrível!
        Praticamente todos na família são loiros e fortes. Sendo o doutor Herny – o pai dessa filharada - um loirão alto, forte, bronzeado e bonitão. A mesma coisa para os quatro gêmeos. Que por causa de seu físico, aparentam ser um pouco mais velhos do que realmente são. Também adorei a personagem Peggy. Cheia de segredos no seu passado. Com algumas “habilidades”. Sendo que os doutores Henry e Doris também tem algumas, como por exemplo, se transportar! O chamado transporte mental. A autora explica sobre isso, e é muito maneiro! Peggy é maravilhosa, inteligente, destemida... Com poucos fatos e muitas suposições, ela sempre chega a conclusões certas sobre as coisas e descobre alguns “segredos”. Impossível não amá-la, é sério!
Os filhos dos doutores resolvem fazer testes para entrar na Escola Avançada de Champ-Bleux pois, jovens entre 13 e 17 – ou 18 anos, não lembro direito agora – podem fazer os testes. E os estudos duram dez anos. Sendo que quem passa, é obrigado a ficar pelo menos cinco anos lá. E é claro que eu não vou dizer se algum passou, ou quem passou... Para isso, vocês terão que ler!
        O outro ponto forte do livro que eu mencionei no primeiro parágrafo, é a parte de entreter. Eleonor conseguiu me entreter do começo ao fim. Confesso que como muitos leitores, fiquei com preguiça, receio, e preconceito de ler um livro de 832 páginas. Porém quando comecei a ler, percebi que elas passavam voando como nunca nenhum livro que li passaram! A escrita é fluída, existem muitos diálogos, e não é uma escrita difícil de entender. Gente, isso é sério, eu estou abismado até agora!
        Como eu disse acima, o livro tem em sua maioria, diálogos. Esses são muito divertidos, e é através deles que descobrimos muitas coisas da história, muitos segredos... Gente, que coisa sensacional! Apesar de o livro ser grosso, a autora nunca se estende em descrições ou explicações. Ela apenas nos mostra o que precisamos saber, e com isso quereremos ler mais e mais.
        Na ficção de Eleonor Hertzog, existem os seres humanos normais, e alguns que são mentais. Esses mentais são quem tem habilidades especiais. Não vou falar delas porque seria spoiler, mas a forma como isso é retratado no livro e estudado na Terra, é fantástico. Esses mentais têm treinamento para melhor desenvolver suas habilidades... Imagina esse pessoal na escola Avançada de Champ-Bleux? Além disso, assim como na história de Superman onde o planeta Krypton possuía a Casa de El (Jor-El, Kal-El...), em Tarilian existem algumas dessas casas (não só em Tarilian, descobri depois), que são chamadas de Casas de Meditação e são uma espécie de palácio onde vivem as famílias. Cada uma dessas famílias tem suas habilidades específicas (os mentais mencionados acima) elas são chamadas de habilidades de Linhagem (e Linhagens é o segundo volume da série, então se você leu Cisne e ficou com alguma dúvida, com certeza terá maiores explicações no segundo livro).
                Além de tudo isso, o livro fala sobre cientistas x repórteres. Eles também têm certa rivalidade. A autora também explica muito bem sobre isso. E eu adorei a visão dela sobre o tema! E um repórter é personagem “fixo” do livro. O Jean. Sendo ele, Tim – o gêmeo que apronta muito, e Peggy – que é adotada, meus três personagens preferidos!
        Jean acaba indo para o Cisne, pois alguns estagiários do planeta Tarilian estão fazendo intercâmbio na Terra, e é no Cisne que farão esse intercâmbio. Depois também vai aparecendo um pouco da vida de outros jovens que fizeram testes para Champ-Bleux e passaram. Minha preferida é Michele. Uma mental que tem uma habilidade maravilhosa! Além de eu ter amado a personalidade dela... Ela precisa ajudar um jovem alienígena a aprender a conviver com os terráqueos. E eu ri muito nessas partes, muito mesmo! Ok, Michele é minha quarta personagem favorita. É impossível não gostar dela também!
                Outra coisa que eu adorei foi descobrir o “segredinho” do doutor e doutora Mellbourne, os biólogos marinhos. Além do segredo deles, alguns outros têm segredos. Como por exemplo, existem atlantes entre os personagens do livro! A cada página eu ficava mais surpreso com as descobertas!
        A história fala também de outros personagens, sobre as cidades que os Mellbourne visitam, sobre o povo que gosta tanto deles... Apresenta-nos alguns personagens cheios de características distintas. Uma delícia de ler! Dá para acreditar em tanta coisa boa num livro só? Não preciso nem dizer que me tornei fã da série Uma Geração Todas as Decisões, não é mesmo?
        Devo confessar que não gostei muito do doutor Henry Mellbourne. Eu o achei muito cheio de manias. Ele esconde dos filhos quem realmente é, e quem realmente são todos da família. Assim os filhos pensam que são terráqueos. Eles nem sabem das habilidades dos pais e nem de suas próprias! Henry é teimoso e só sua opinião que vale. Além disso, eu achei a ética dele um tanto “duvidosa”, digamos assim. Na verdade a maioria dos pais de mentais escondem vários segredos dos filhos. E o que torna bacana, é ver a inteligência desses jovens descobrindo as coisas aos poucos!
        Não sei descrever o que senti lendo o livro. Mas é foi sensação clara, de mar calmo, um lindo barco banhado pelo sol, uma calmaria, junto com piadinhas e brincadeiras dos gêmeos, uma alegria sem tamanho. Esse livro me deixou tão feliz, nossa! Jamais, em nenhum momento, cheguei a pensar em abandonar a leitura. São 832 páginas SUPER necessárias. Cada palavra! Não é nada cansativo, é muito gostoso de ler! Foi uma gigante diversão, literalmente! 


Essa é a capa de Linhagens, o segundo volume da série Uma Geração Todas as Decisões.




64 comentários:

  1. Espero ler logo logo este livro
    Parabéns pela resenha , cada dia melhorando :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha
      Pois leia sim viu? É demais!
      Obrigadão! Hahaha
      Beijos!

      Excluir
  2. Nunca li!
    Mas agora inspirou-me! Muito legal, Parabéns!


    Como sempre ótimas resenhas, mesmo sendo escritas!

    E ai você gostaria de ser um da tripulação do Cisne?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AHAHAH
      Obrigado!
      E como gostaria!
      Eu queria ser o Tim!
      *______*

      Excluir
  3. Respostas
    1. Não perca tempo, é demais demais demais!
      HAHAHAA
      Beijos!

      Excluir
  4. Meu Deus, eu PRECISO desse livro! Ama livros assim, divertidos. Também super curto distopias e ficção científica. Perfeito!
    Amei a resenha.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lê!
      hAHAHA Livros divertidos são o que há, não é mesmo?
      Obrigado querida
      Beijooo

      Excluir
  5. Oi Edu!

    Vi seu comentário lá no blog, como assim perdeu meu lik?? srsrs, ainda bem que voltou =)

    Falando do livro, sabe que já li tudo que foi resenha sobre este livro, mas a sua me deu bem uma visão geral da história, e sabe que vc conseguiu me deixar curiosa?
    Parece ser muito bom.

    Beijos e não some mais, hien!!

    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii!
      Pois é, eu tinha vários links de blog e queria passar no seu e não achava mais!
      Agora já está nos favoritos e não perco mais viu? HHAHAA
      Que bom que consegui, pois vale muito a pena ler, meu Deus!
      Beijos, pode deixar!

      Excluir
  6. Já faz um tempo que estou de olho neste livro , só estava com um pouco de receio de comprar e achar muito cansativo.Mas pelo que vi ele parece ser bem elaborado , e sera uma oportunidade de estar lendo um livro nacional , por que ultimamente só estou com estrangeiros ...
    Amei a sua resenha , acho suas opiniões bastante parecida com as minhas...
    Parabéns pelo sucesso do canal e do Blog !!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, e é mesmo cara!
      Pois é, precisamos valorizar mais os escritores nacionais.
      Tanta coisa boa aqui, e acabamos só lendo de fora...
      Fico feliz que tenha gostado! Abração!

      Excluir
  7. Eu ganhei esse livro em um sorteio, e desde então estou super ansioso para ler ele e agora com a chegada do segundo que me interessei, a sinopse me chamou bastante atenção e amo distopia e ficção científica e ainda mistura biologia minha grande paixão (Biólogo apaixonado *-*)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi cara!
      AHAHAHAHA
      Também sou apaixonado por biologia.
      Isso, leia sim que eu quero ter mais gente pra conversar sobre a série! Hahahaha
      *-*
      Abraços!

      Excluir
  8. Ual, sua resenha está ótima. Esse livro parece ser demais, fiquei super interessado, acabou de se tronar o primeiro na minha lista de desejos. Parabéns Edu, e claro, a Eleonor Hertzog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa, muito obrigado!
      Sim, é demais demais demaaaaaaaais!
      Depois que ler me conte o que achou então.
      Abraço!!

      Excluir
  9. Ai meu deus , preciso ler esse livro urgente , adorei a resenha , ficou bem grande mesmo Edu kkkk
    Abraços :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha Obrigadão!
      Um livro grande necessita de uma resenha grande.
      Hehehe
      Abraço!

      Excluir
  10. Eu acho essa capa linda!
    Eu quero muito ler esse livro, muita gente fala que é sensacional xD

    http://www.umomt.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha Verdade, é lindona né?
      É sensacional mesmo!
      Quando ler me conta o que achou!
      Abração!
      :D

      Excluir
  11. Oi Eduardo, tudo bem? :)
    A sua resenha ficou grande, mas ficou ÓTIMA!
    Morro de vontade de ler Cisne, mas o tamanho dele me assusta! Não sei se teria tempo para lê-lo, entende? :( Pelo menos não agora. A história realmente parece ser genial e é por isso que eu ainda o mantenho em minha lista de desejados. :)

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii Luara, tudo ótimo! E você?
      Hahahah Poxa, obrigadão viu?!
      Entendi... quem sabe numas férias de fim de ano então né? Aí da pra ler rapidinho xD
      Beijoooo

      Excluir
  12. Oi Edu (intimidade já), tudo bom?
    Então, quando entrei aqui e vi que tinhas resenhado esse livro especificamente fiquei com muito medo de ler a resenha, pois como é a minha leitura atual, fiquei com medo de encontrar nela alguma coisa que me desmotivasse de continuar uma leitura que até então - li pouco - está fabulosa.
    Mas o que eu encontrei então, foi uma linda resenha que só me motivou mais ainda a me aventurar nessa aventura e mergulhar de cabeça no Cisne.
    Percebi com o pouco que li, que a Eleonor simplesmente arrasou, a premissa do livro é como você disse genial e nos atiça a querer ler mais.
    Olha, a tua resenha ficou formidável, uma das melhores que li sobre esse livro. Me deixou ainda mais curiosa, graças a Deus não precisarei esperar para ler hahahaha'

    Beijos,
    paixaoliteraria.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHAH
      Aqui pode ter intimidade, somos todos amigos!
      :D
      Nossa, que legal que você está lendo o Cisne!
      É tão bom encontrar alguém que leu e partilhar... *-*
      Fico muito feliz, muito mesmo que minha resenha tenha ajudado a dar mais "gás" pra você lê-lo!
      Hhahaahahah
      Nossa, obrigado pelos elogios querida! *-*

      Excluir
  13. Oi o/
    Nossa, acho que foi a melhor resenha que já li desse livro hahahaha
    Incrível como a gente fica com mais vontade de ler a cada parágrafo xD
    Acho que a leitura ia me cansar um pouco, mas valeria a pena.

    Quero ler mais resenhas escritas hein! u-u

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, fico muito lisonjeado! Obrigado
      *-*
      Beijos!

      Excluir
  14. Ótima resenha, fiquei bem curioso com todos esses irmãos, de fato parece MUITO divertido, se eu puder eu compro e leio! *-*

    ResponderExcluir
  15. Parabéns pela resenha.
    Já li muita coisa boa sobre este livro e por isto já marquei na minha lista de futuras compras.
    Abraços

    http://reaprendendoaartedaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigadooo! :D
      Legaal! Quando ler vem contar pra mim o que achou!
      Abraços!

      Excluir
  16. Que legal! Bom ver que é de autor nacional! Ah, se é esse ano e as coisas ficaram diferentes do que são, dá pra arriscar dizer que é história alternativa, com uma mistura do gênero punk, lembra que eu falei sobre isso em um vídeo meus? Teria que ver em qual se encaixa, mas é isso! Bolas, fiquei com vontade de ler esse livro! Mas vou esperar lançar os outros, rs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii Bia!
      Pois é, precisamos valorizar mais os autores nacionais né?
      Tá aí um livro maravilhosos que demorei tanto pra começar a ler!
      Sim, lembro sim! Deve ser mais ou menos por aí mesmo.
      Hahaahah
      Mas dá pra ler tranquilo viu? O livro já explica muita coisa no primeiro volume.
      Beijos!

      Excluir
  17. Ótima resenha, o livro parece interessante

    ResponderExcluir
  18. Ler essa resenha agora me fez muito bem. Eu ganhei este livro e tomei um susto com o tamanho e com o peso.
    Mas como você disse que todas as palavras e o número de páginas são necessárias, vou encarar com coragem. E acho que não vou me arrepender!!
    Adorei sua resenha! Com muitas explicações sobre os personagens e suas histórias.
    Perfeita!!

    Bjkas

    Lelê Tapias
    http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso aí! Também fiquei com medo no começo, mas depois que comecei... Foi só amor!
      Obrigado querida!
      Beijos!

      Excluir
  19. Oi Edu, ufa menino que resenha foi essa? Mas também achei o tamanho super louvável, tendo em vista as tão aclamadas 800 e algumas páginas de Cisne.
    Sabe de uma coisa? Eu já li algumas resenhas desse livro, mas em nenhuma delas senti tanta paixão quanto na sua. Deu pra ver que vc mergulhou de cabeça na história dessa família, desse mundo, desse barco que veleja e trás várias histórias divertidas...
    Fiquei aqui super interessada em conhecer também, porque depois do seu imenso cartaz, não tem como não querer ler e nos deixar levar por esse mundo que tanto te encantou.
    Belo texto querido. Bjão

    www.lerepensar.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hhahahahahha
      Pois é, seria injusto uma resenha pequena né? Hehehe
      Sim, exatamente isso! *------------*
      Nossa, muito obrigado!
      Beijos!

      Excluir
  20. Oi Eduardo, tudo bem?

    essa é a primeira vez que venho por aqui e queria te parabenizar pelo blog. Sou doida pra ler Cisne. Dizem que a leitura é de viajar mesmo. Tive a oportunidade de conhecer a Eleonor na Bienal do Livro aqui do Rio. Apesar de ter conversado pouco com ela, pude ver o quanto é simpática. O mais engraçado de Cisne é que todos falam exatamente o que vc frisou. Que o livro é grande, mas que cada página vale a pena.

    beijos, já estou te seguindo por aqui
    Kel
    porumaboaleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kel, tudo ótimo! E com você?
      Muito obrigado querida! Poxa, que bacana ter ido na bienal hein! Eu também queria. Deve ter sido fantástico!
      Sim, é exatamente isso o livro!
      Hahaha
      Obrigado por seguir. Passarei no seu blog também.
      Beijos!

      Excluir
  21. Oi, Edu,
    eu ainda nem ouvira falar desse livro, mas depois de sua resenha ele vai pra minha interminável lista, com certeza ;)
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahaa
      "Interminável lista" todos temos né? kkkk

      Excluir
  22. Tinha um jeito meio que diferente de pensar deste livro, mas depois que li e entendi bem a sua resenha acho que minha opinião mudou para melhor :) Muito boa resenha !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É que olhando ele assim pela capa não parece ser esse estilo né? xD
      Obrigadão!

      Excluir
  23. Amei sua resenha Edu!
    Estou terminando de ler e estou amando!!!
    Como eu dou risada com os gêmeos que eu confundo o nome ainda kkkkkkkkk
    Estou apaixonada pela narrativa da Eleonor =)
    Parabéns pela resenha!

    Beijos
    Tify

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oxi, obrigado Tify!
      *---*
      Também confundi até o final, mas foi super massa! kkkkkk
      É, eu também! HAHAHAHA
      Obrigadão!
      Beijooos

      Excluir
  24. Oi Edu,
    É sua resenha ficou grande, mas super explicativa, ótima mesmo.
    Pretendo ler esse livro em breve diante de inúmero elogios que estou ouvindo sobre ele.
    Beijos

    Mari - Stories And Advice

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha
      Isso, leia mesmo! Depois quero resenha sua viu?
      Beijos!

      Excluir
  25. Me impressiono por você dizer que não foi cansativo. Eu comecei a ler o livro há meses e ainda não consegui terminar. Faltam +300 páginas ainda. Enfim... bela resenha!

    Beijos.
    Morte Na Flip, sorteio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hhahaah
      Sério?
      Nossa, conversei com outros que leram o livro e têm a mesma impressão que eu. Heheheh
      Beijos

      Excluir
  26. Oi Eduardo;
    Já tinha ouvido falar desse livro, mas nunca tinha lido uma resenha tão completa como a sua! Eu já comecei a gostar dessa história quando vi que Doris e Henry Mellbourne são biólogos. (Sou formada em Biologia). Adoraria ser bióloga marinha e estuar o mar à bordo de um navio.
    Vou colocar esse livro na minha lista de leituras! :)

    Beijusss;
    http://hipercriativa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa, obrigadão hein!
      Nossa, que massa que você é formada em biologia! Amo biologia! *0*
      Seria um sonho né?
      Hahahaa
      Beijos!

      Excluir
  27. Deus do céu, que delícia e que coisa mais linda ver alguém tão apaixonado por um livro assim!
    Eu me identifiquei totalmente com o estilo do livro. Primeiro que, finalmente, me apaixonei por distopias; segundo que quando algo de ficção-científica é colocado de forma não escrachada num universo infanto-juvenil, a coisa normalmente fica uma DELÍCIA. E eu sou meio ignorante quanto a ficção-científica - mas o exemplo que tive me fez ver que quando esse estilo cai sobre o mundo infanto-juvenil (mas não qualquer infanto-juvenil: um com verdadeira qualidade literária e amor por parte do autor - coisa que, quem realmente ama ler, consegue perceber quando ocorre), é matador. Matador pra vida literária, porque normalmente vai se tornar um livro marcante ali na prateleira. E foi isso que aconteceu com você, não foi?! *-*
    Moço, me apaixonei perdidamente pelo seu estilo de escrever, de resenhar, de criticar e de abordar. Confesso que em poucas vezes na Blogosfera vi algo com tanta qualidade como o seu texto, a sua escrita. Você é um grande resenhista, e não há dúvidas de que eu estou seguindo seu Blog e de que vou acompanhá-lo sempre, porque me apaixonei por ele. É tudo muito, muito lindo por aqui. Virei fã. Sério mesmo.
    Por favor, não desista do Blog (não se atreva a fazer isso). Quero ler muita coisa escrita por você ainda!
    Beijão! Obrigado pela incrível resenha e dica, Edu!

    http://mon-autre.blogspot.com.br/
    @brenomtorres (segue?)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHAHA
      Essa paixão foi culpa da autora! :P
      Pois é, e eu nem gosto de distopia... kkkkk
      Sim cara, foi isso mesmo! *-------*
      Só li fatos no seu comentário!
      Nossa, obrigado pelo elogio, fiquei até sem graça! kkkkk
      Uau, digo o mesmo que você, seu comentário está maravilhosamente bem escrito! xD
      Poxa, obrigadão, de verdade!!!
      Pode deixar! Depois dessa sua injeção de ãnimo... UAUUU!
      Obrigado mesmo!
      Sigo sim, com certeza! Hahahah

      Excluir
  28. Hey Edu,
    Resenha grande, mas com conteúdo e ótima de ler.
    Li algumas opiniões sobre esse livro e gostei do enredo.
    Acho a capa linda demais.

    Os diálogos engraçados com certeza me ganhariam, isso ajuda prender bastante na leitura, melhor ainda quando não tira o foco.

    Sucesso para a autora, e que legal que terá continuação.. curti a capa tb!

    bjs
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii
      Obrigado querida!!!
      Sim, esse tipo de diálogo sempre nos prende né? *-*
      Beijos!

      Excluir
  29. Oi Eduardo.
    Esse livro é muito comentado, já li várias resenhas sobre ele, mas essa é a primeira que vejo mais completa e detalhada, e me interessei pela história.
    Sempre me espantei com ele pela quantidade de páginas, mas como você disse que a maioria é de diálogo, e nada é tão extenso, me senti mais relaxada.
    Vou anotar e dar uma chance a leitura.

    Beijos
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha Que legal que se interessou! *-*
      Sim, pode ficar tranquila, as páginas passam VOANDO!
      Ok então ahaha
      Beijos!

      Excluir
  30. Oi Edu!
    Ganhei esse livro num sorteio e preciso arrumar um tempinho para ler entre as leituras de parceria, ele é grande, mas pelo que você disse na resenha quando eu começar a ler não conseguirei mais parar, não é?
    Beijos... Elis Culceag. * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
  31. Oi Edu,
    Agora estou com um sério problema, aquele dos grandes...quero ler Cisne de qualquer maneira, nossa ainda não tinha lido uma pessoa que vibrasse com um livro bom que nem eu, gostei tanto da sua resenha que minha vontade é sair e comprar Cisne e Linhagens porque é o tipo de história que vai me viciar....Parabéns por ter deixado mais uma leitora viciada morrendo de vontade de ter um livro.

    Beijokas Elis - http://amagiareal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. UHUAHUAHUAHA "aqueel dos grandes" kkkkkkkkk
      E é mesmo! Vicia demais demais demais! *0*
      Hhahahaa
      Imagina, obrigadããããão!
      :D
      Beijos

      Excluir
  32. A resenha ficou show!
    Também tenho parceria com a querida Eleonor, mas ainda não li Cisne, que venha a Linhagem e que seja sucesso! Ela é querida demais...

    Parabéns pelo blog, estou seguindo :D

    Abraços,
    www.ps-carpediem.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Diego! Poxa, muito obrigado cara! É verdade, ela é um amor!
      Valeu!
      Seguindo de volta! ^^
      Abraço!

      Excluir

© Leituras do Edu - 2015. Todos os direitos reservados. Criado por: Daya. Tecnologia do Blogger.